You are currently viewing O que é o PROCONVE e quais são os desafios para o transporte de cargas
O que é o PROCONVE e quais são os desafios para o transporte de cargas

O que é o PROCONVE e quais são os desafios para o transporte de cargas

  • Post author:
  • Post category:Blog

Entenda quais são os objetivos do programa e como ele pode afetar a operação logística das empresas.

Com o aumento expressivo da frota de veículos automotores, tem se tornado cada vez mais necessária a adoção de medidas para a redução da emissão de gases poluentes por estes meios de transporte, sejam eles carros particulares, ônibus ou caminhões para o transporte de cargas. Dentre essas iniciativas, está o PROCONVE e neste artigo, falaremos mais sobre esse assunto.

O que é o PROCONVE? 

O PROCONVE é a abreviação de Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores. Esta é uma divisão do IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), criada em 1986, com o intuito de analisar e reduzir a emissão de poluentes. No início, o foco do programa era apenas veículos de passeio e a melhora da qualidade do ar nos centros urbanos. Mas, posteriormente, entendeu-se que todos os veículos de transporte, seja de pessoas ou de carga, são responsáveis por contribuir com a poluição do ar.

Sendo assim, para alcançar os objetivos estabelecidos, ao longo dos anos o PROCONVE foi dividido em fases, com diretrizes específicas de inspeções tanto veicular quanto da qualidade dos combustíveis utilizados. 

P8: a nova fase do PROCONVE

Atualmente, estamos na fase P7, que teve início em 2012. As resoluções deste ciclo incluíam a redução em 60% das emissões de óxidos de nitrogênio, ácido liberado pela fumaça do escapamento e que pode causar chuvas ácidas. Mas já existem perspectivas para o início da fase P8. 

Esta nova fase terá como objetivo a redução da emissão de poluentes por veículos comerciais. No entanto, para que isso seja possível, ônibus e caminhões terão que passar por adequações para cumprir as novas exigências, principalmente veículos adquiridos antes dos anos 2020. 

Contudo, devido ao cenário atual decorrido da pandemia do novo coronavírus, o início dessa fase pode ser adiada para 2025. Isso pode ser algo positivo para a sua empresa, que terá tempo para se adequar às novas exigências, mas um ponto extremamente negativo para o meio ambiente, que continua a sofrer com o aumento da poluição. 

Desafios para o transporte de cargas

Como mencionado anteriormente, com o início da fase P8 do PROCONVE, os veículos comerciais precisarão passar por adequações a fim de respeitar as novas diretrizes. Afinal, de acordo com a Lei nº 9.605 de 1998, sobre crimes ambientais, é passível de punição civil, administrativa e criminal àqueles que praticarem atos lesivos ao meio ambiente.

Apesar disso, é possível começar a tomar atitudes desde já para evitar os impactos ambientais gerados pela sua operação logística. A primeira delas é estudar as rotas para o transporte. Assim, você evita trechos perigosos ou visados pela ação de criminosos e pode reduzir o tempo do veículo em movimento, diminuindo assim as emissões de poluentes. Fazer revisões periódicas e de acordo com a recomendação do fabricante do veículo também evita problemas. 

Agora, se você trabalha com o transporte de produtos perigosos ou resíduos poluentes, a melhor garantia é contratar o Seguro Ambiental para Transportes. Com essa apólice, o segurado pode ser reembolsado em caso de danos ambientais causados involuntariamente ou ainda a remoção e limpeza do material, em estradas ou rios, por exemplo. A contratação deste seguro também demonstra o comprometimento da sua empresa com questões ambientais, proporcionando valor agregado, um diferencial perante as demais transportadoras. 
Quer fazer a cotação para Seguro Ambiental para Transportes? Entre em contato com a Contraseg e tire as suas dúvidas com a nossa equipe.