You are currently viewing Entenda como funciona o Seguro RCTR-C

Entenda como funciona o Seguro RCTR-C

Muitos profissionais buscam proteger o seu patrimônio e o de sua família. Nesse momento, o seguro, com certeza, é a primeira coisa que vem à cabeça, não é verdade? Porém há situações em que o seguro não é apenas uma opção e sim uma obrigação, como o seguro obrigatório para transportadora: o seguro RCTR-C.

É justamente sobre esse assunto que vamos discutir a seguir. Acompanhe!

O que é o Seguro RCTR-C

A sigla RCTR-C significa Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário de Carga. Esse seguro é exclusivo para transportadores rodoviários e trata da responsabilidade civil à carga de terceiros em todo o território nacional.

No momento em que o transportador emite um CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico) ou outros documentos hábeis, o mesmo assume uma responsabilidade junto ao embarcador de entregar a carga em perfeito estado ao destinatário.

Porém é muito comum que acidentes rodoviários ocorram durante esse trajeto, e é justamente nesse momento que o seguro RCTR-C é acionado pelo transportador, com o objetivo de ressarcir o dono da carga, também conhecido como embarcador.

Por que o Seguro RCTR-C é obrigatório

O seguro RCTR-C é obrigatório desde 7 de dezembro de 1967, quando o Decreto nº 61.867 foi promulgado. Esse decreto obriga todos os transportadores, sendo pessoas físicas ou jurídicas, a contratar um seguro de responsabilidade civil em garantia das perdas e danos sobrevindos à carga que lhes tenha sido confiada para transporte.

Cobertura

Esse seguro visa cobrir danos à carga oriundos de acidentes rodoviários envolvendo o veículo, tais como colisão, capotagem, abalroamento, tombamento, incêndio e explosão de veículo. Essas coberturas também são conhecidas como coberturas básicas da apólice.

Com o objetivo de atender às necessidades do cliente, algumas Cias seguradoras concedem coberturas adicionais para operações específicas, como a Operação de Carga e Descarga (OCD).

Existem ainda coberturas adicionais para os riscos de avarias, tais como Oxidação ou Ferrugem, Derrame, Quebra, Vazamento, Amassamento, Arranhadura, Água Doce ou de Chuva, Mancha de Rótulo, Amolgamento, Queda da Mercadoria do Veículo Transportador, Contaminação ou Contato com Outras Mercadorias.

Porém é importante frisar que essas coberturas adicionais não são obrigatórias no RCTR-C.

Com relação ao veículo, o mesmo não possui cobertura na apólice de RCTR-C. Para segurar o veículo, é necessário contratar uma apólice de veículo.

Quem deve contratar o Seguro RCTR-C

A lei obriga todos os transportadores registrados na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) a contratar um seguro RCTR-C. Lembre-se que ele se trata de um seguro obrigatório, sem exceção.

Toda vez que a transportadora emite um CT-e, ela é responsável pela carga. Portanto, tem que haver uma apólice protegendo essa carga.

Como contratar

A primeira coisa a ser feita é contratar um corretor de seguros.

Na hora de selecionar um corretor de seguros para representá-lo, é fundamental identificar uma corretora especialista no ramo de transportes. O corretor tem que ser seu parceiro comercial, acompanhar suas operações de logística e propor soluções adequadas para seu negócio.

Após esse entendimento, o corretor poderá orientá-lo a contratar um seguro adequado às suas necessidades como transportador, para que você tenha as proteções na medida certa, evitando transtornos na hora do sinistro e obtendo um preço justo na hora de pagar o seguro.

A Contraseg é uma corretora de seguros especializada em seguro de cargas, com mais de 25 anos de experiência com seguros RCTR-C e poderá dar todo o suporte técnico para as empresas que precisam de um atendimento diferenciado e seguro.

Quanto custa um Seguro RCTR-C

Você deve estar se perguntando: quanto custa um seguro RCTR-C? A resposta é: depende, pois varia de transportadora para transportadora. Quando o seu corretor envia para a seguradora um pedido de cotação, ela passa automaticamente diversas informações. Uma delas é a quantidade de sinistros ocorridos nos últimos 12 meses.  Isso mostra a importância de poder contar com um corretor especializado em RCTR-C.

Com essas informações, o corretor faz uma análise do risco e estipula uma taxa (porcentagem) que será aplicada sobre o valor do embarque. Dessa forma, o segurado envia mensalmente uma relação dos embarques ocorridos no mês anterior (averbação) e a seguradora aplica essa taxa já acordada e gera uma fatura mensal de pagamento.

Em suma, o valor do seguro RCTR-C é uma porcentagem (taxa) do valor total transportado num determinado mês. O que muita gente não sabe é que esse “custo” normalmente é repassado para o embarcador (proprietário da carga) através da taxa de Ad Valorem.

O que é o Ad Valorem? De início, essa taxa é aplicada nos casos de produtos que não possuem um seguro. Então, a transportadora faz a contratação do seguro e repassa os valores equivalentes através dessa taxa.

Como devo proceder em caso de sinistro?

Assim que a apólice é emitida pela seguradora, é fornecido ao segurado (transportador) um telefone 0800 para ligar em caso de sinistros. Quando a seguradora recebe o aviso de sinistro, ela encaminha um profissional (reguladora de sinistros) até o local do sinistro com o objetivo de apurar os fatos e preservar a mercadoria.

Apuração do prejuízo

A reguladora de sinistros (empresa contratada pela seguradora) tem a incumbência de apurar o prejuízo de cada embarcador e emitir um relatório para a seguradora, informando os beneficiários e os respectivos valores.

Pagamento da indenização

Por se tratar de um seguro de responsabilidade civil, o pagamento deve ser feito diretamente aos embarcadores (proprietários da carga), que são os verdadeiros beneficiários do seguro RCTR-C. Entretanto, é comum a seguradora pagar ao segurado (transportador) e ele se encarregar de fazer o repasse da indenização para cada um dos beneficiários.

Nesse caso, se o transportador não repassar a indenização aos beneficiários, a seguradora corre o risco de ter que fazer um novo pagamento para os verdadeiros beneficiários.

Enfim, agora que você já sabe como funciona um seguro RCTR-C, deve ter notado a complexidade desse ramo de seguro e a importância de se contratar uma corretora de seguros especializada para auxiliá-lo em sua operação.

Você, transportador, quer saber mais detalhes sobre o assunto? Baixe nosso e-book e saiba tudo sobre o Seguro RCTR-C!

Deixe um comentário